Netflix planeja investir mais US$ 1 bilhão em conteúdo original

Crescimento no consumo de streaming motivou empresa, mesmo que cenário tenda a piorar com fim do isolamento social e dívida já chegue a US$ 15 bilhões

A Netflix anunciou que planeja levantar um investimento adicional de 1 bilhão de dólares para expandir a criação de conteúdo original. A decisão foi anunciada após a empresa de Reed Hastings anunciar que dobrou suas projeções de novos clientes, já que os serviços de streaming têm se tornado ainda mais populares mundialmente por causa da pandemia do novo coronavírus. A companhia atualmente já conta com uma dívida de US$ 15 bilhões na busca por fundos que sustentem seu catálogo.

Apesar do anúncio, as ações da Netflix tiveram uma queda de 3% recentemente, e a empresa ainda prevê um segundo semestre fraco em 2020, já que muitos países começam a se recuperar da pandemia e liberar a circulação de pessoas pelas ruas, o que fará com que comércios voltem a abrir e os assinantes do streaming fiquem menos em casa.

Na guerra dos streamings, que têm se intensificado com a chegada de serviços como o Apple TV+ e o vindouro HBO Max, o investimento em conteúdo original é uma das alternativas mais efetivas para atrair público. Assim como a Disney tem feito com seu Disney + – vide o sucesso de “The Mandalorian” e as séries pertencentes ao universo Marvel que estão para estrear.

Mundialmente, serviços como a Netflix, o Prime Video e o Apple TV+ têm sido beneficiados pela crise mundial por causa do COVID-19. Em março, um levantamento apontou que houve um crescimento de 20% no consumo de streaming, por exemplo. Durante o horário da tarde, o crescimento chegava a 40%, já que muitas pessoas deixaram de trabalhar e estudar por causa do distanciamento social.

Fonte: B9
Foto: Reprodução


Deixe um comentário